terça-feira, 23 de dezembro de 2008







P a s s e i o de ô n i b u s

Já tem tempo que fiz do busão o meu melhor meio de transporte. Raramente pego o carro, só em caso de absoluta necessidade . Usamos o carro , eu e a minha mulher, evidentemente , para irmos aos supermercados e ou outra necessidade que justifique o seu uso. Do contrário, eu, pelo menos, adotei o ônibus e é nele que me movimento por quase toda a cidade...
Já é costume , aproveitando a minha terceira idade e o fato de que tenho o privilégio que o tempo me deu de viajar de graça, que uso os ônibus. Entro pela porta da frente e já nem preciso mais mostrar a certeirinha porque está na cara que o prazo de validade da minha juventude está vencido...
Normalmente , me acomodo em uma das poltronas na frente , quase sempre cedida por um jovem prestativo, de onde posso curtir o panorama, mas, o mais interessante, é que nos passeios, sempre surge alguma coisa , alguma conversa interessante e você segue viagem sem se preocupar com o trânsito, com o engarrafamento , uma vez que o motorista é que é pago para isto ! Já pensou , você sair para passear dirigindo o seu próprio carro ? Que coisa chata ! Você não pode apreciar coisa alguma, tem que estar atento à direção e ao tráfego, às sinaleiras, e ,ainda, sofrer com os engarrafamentos que estão por todas as vias em que você se enfia ! Hoje, a coisa não está fácil ! A cidade não comporta mais veículos . Enquanto as montadoras se esforçam para colocar mais carros nas ruas, seduzindo a população para o consumo , para que comprem , comprem, oferecendo descontos e vantagens . Até o Presidente Lula, face a crise atual , aconselha ao povo que compre, que compre, para manter o comércio e a indústria aquecidos...ao tempo em que demissões vão acontecendo !
Na verdade , prevejo que vamos ser sufocados em cidades como a nossa , por veículos que não conseguem mais andar, porque presos no trânsito ...Basta chover um pouquinho e, então, se estabelece o caos ! Se um carro , simplesmente encosta em outro, pára tudo ! Se há uma manifestação de rua , você sofre, ainda mais se for num dia de verão com a temperatura na casa dos 32º.
Não, definitivamente, não dá mais para andar de carro. Me divirto muito mais usando o busão, Vou onde quero , subo num ônibus aqui, desço adiante, pego outro e assim vou indo sempre em frente sem me preocupar com nada , muito menos com a necessidade de voltar para pegar o meu carro em um estacionamento qualquer que me deu trabalho para achar e que, ainda por cima, custou caro...O trânsito e os engarrafamentos , sobretudo problemas com o veículo, se ele encrencar, ficam à cargo do motorista e eu não vou precisar me estressar por isto. Simplesmente mudo do ônibus ! Tem dias que, no fim da tarde, vou fazer a conta dos meus trajetos e percebo, surpreso, que subi e desci de mais de dez coletivos...e que andei por boa parte da cidade, Vi coisas, falei com turistas , fotografei paisagens e arranjei assuntos para os meus escritos...Demorei muito para descobrir que o vício , ou a necessidade do carro, nos tira boa parte das coisas interessantes que acontecem durante os dias , convivendo com as pessoas que fazem a população da cidade, cada uma com a sua história particular e à procura de alguém a quem contar para desabafar... Dentro do carro ,de certa forma, você está fora do mundo ! Feliz ou infelizmente, há momentos em que ele é necessário, mas, pensando bem, na maioria das vezes, ele pode ser dispensado . Sempre que puder, dispense o carro, contribuindo para diminuir a poluição e você vai ver como é interessante se tornar um pedestre e conviver com os diversos tipos de pessoas que circulam pelas ruas... Você não imagina quantas histórias vão aparecer !...

Na volta para casa, procuro sempre um transporte que faça a rota da orla, pois eu tenho, todos os dias, a necessidade de ver o mar e olhar para o horizonte !...

Este blog foi configurado para receber comentários e ou sugestões

Foto de Sarnelli

4 comentários:

EMERSON disse...

Eu, como pertencente à 4ª idade, também tenho pensamentos semelhantes ao amigo da 3ª idade. Tenho habilitação mas já vencida há muitos anos.Dou preferência ao buzu e, as vezes, quando tenho pressa ou necessidade, pego o taxi.

Sarnelli disse...

Eu acho que já estou na quarta idade...É muito mais prático, não é ? Estamos dando exemplos para outras pessoas na mesma nossa situação . É menos estressante e colaboramos com a natureza. Acabo de chegar do Shopping Barra . Ida e volta, foi vapt-vupt...o segredo é estar na contra-mão da movimentação das pessoas e pegar os buzões vazios... uma beleza !

Sarnelli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Se mais pessoas usassem ônibus, o planeta poderia agradecer! Menos poluição, menos violência no trânsito e mais qualidade de vida!
Mocinho, disseste que o prazo de validade da tua juventude está vencido... Talvez para algumas coisas! Mas , ao mesmo tempo, estás no auge da tua capacidade de escrever e encantar com o que escreves!
Bjus
Bia